Membros Participantes

quarta-feira, fevereiro 11, 2015

2

OS MENORES HF's QRP SSB/CW DO MUNDO? CONHEÇA OS RÁDIOS CHINESES QUE ESTÃO DISPONIVEIS NO MERCADO ATUAL



Pesquisando pela Internet, a procura de novidades do gênero, sempre dou uma olhada nas novidades ou curiosidades que vem da China, principalmente. Desde clones quadribanda, até os Handhelds multimodos, multitarefas e multi-trecos - e a originalidade vai até extremos, como o HT Dual Bander, com Telefone Celular Dual Chip, Bluetooth, Radio FM, Browser para redes Sociais, Sistema Operacional Android, Rádio FM, câmera digital e, logicamente, lanterninha embutida... TUDO NUMA BADAROSCA SÓ!

É claro que nem todos esses equipamentos possuem a qualidade como primazia, apenas servem para atiçar nossa curiosidade e para demonstrar até onde chega a originalidade dos Chineses... Mas não devemos menosprezar essa capacidade: até alguns anos atrás, do segmento de Radio do Cidadão, tínhamos a disposição apenas marcas como Uniden, Cobra, Midland e President como grandes referencias em equipamentos. com o avanço e acesso a tecnologias de ponta, os Chineses deram um salto e apresentaram ao mundo equipamentos de ponta e avanço, como os Anytones, Baofengs, Quanshengs e Xiamen's. Não satisfeitos, decolaram com lançamentos de equipamentos para uso no segmento de Radioamador, com Wouxuns  e TYT's.

 As "grandes" (Yaesu/Icom/Kenwood/Alinco)simplesmente não deram bola, acreditando que com a baixa qualidade destes equipamentos, não afetaria o mercado que se manteve consolidado, o qual detinham a hegemonia. Simplesmente, se enganaram a respeito disso, e viram suas marcas serem ofuscadas por equipamentos de preço convidativo, que agregavam recursos que até então, só eram especialidade deles, os "Grandes".

Assim, viram seus lucros despencarem com a crescente procura dos equipamentos chineses, e com o pouco aperfeiçoamento aplicado ao longo dos anos, no primeiro decênio de 2000, e sem novidades significativas, abriu uma brecha para que equipamentos para uso de VHF/UHF fabricados por pequenas empresas na China tomassem espaço nos lares do mundo inteiro. O Tigre Asiático, mostrou seu poder.

Não obstante, ainda existia o segmento dos equipamentos de HF aos quais, ainda os mantinham com uma boa fatia do Mercado. Mas esse segmento, provavelmente, também está sendo aproveitado.

E uma das empresas que aproveitam esse nicho é a chinesa Xiegu, que fabrica e comercializa equipamentos de HF QRP (operam com potência baixa).

De dimensões reduzidas, equipamentos como o X-108, agregam recursos encontrados em equipamentos de renome que, devido ao seu preço exorbitante, se tornam inalcançáveis para o consumidor final.

Os modelos em questão, são fornecidos com o mínimo de opcionais, o que sugere, ao operador, agregar opcionais vendidos separadamente, como um TXCO, um amplificador Linear, ou uma interface para uso no HRDL, ou no PC com um programa proprietário, para uso em SDR.

Custando cerca de 30% mais barato que os concorrentes de renome, estes equipamentos QRP tem atraído inúmeros entusiastas praticantes da modalidade de baixa potência, a fim de avaliar suas peculiaridades.

Alguns modelos são simples e rudimentares, entretanto, existem modelos para todos os gostos - e bolsos - alguns incluído Tela sensível ao toque, Band Scope, Duplo VFO.

Segue abaixo alguns modelos, disponíveis em forma de kits para desenvolvedores, e em opções para pronto uso:

XIEGU X108







Notem que não deveria deixar de haver um plágio com o PTT da Icom... E este, é totalmente operacional com as funções do transceptor.
Um pequeno exemplar de QRP CW da Youkits, que opera com bateria recarregável interna ao equipamento.
Este outro modelo da YouKits, faz seis bandas de HF, dedicado para uso em base.
Alguns modelos, agregam apenas as funções básicas de uso.
Este modelo, agrega funções específicas para uso Híbrido (SDR)
O veterano Chines X-1M, possui suporte para o uso no Aplicativo Ham Radio DeLuxe.

Também disponibilizado em forma de Kits para desenvolvedores, alguns transceptores HF permitem ao usuário final efetuar montagens ao seu gosto.

Boa parte destes equipamentos estão a disposição em sites dos fabricantes, em representantes do segmento,  no AliExpress e até mesmo no Ebay.

Bom, eu gostei do conceito... e você?

73 a todos!

((•)) Ouça este post

2 comentários:

Valdeson Félix disse...

Amigo, aonde podemos encontrar esses rádio transceptores chineses no mercado brasileiro? Já existe alguma loja virtual? Já tentei no mercado livre mas não encontrei.

Valdeson Félix pu8maj

Roberto Marcondes Morgado disse...

Valdeson, bom dia... Não encontrou no Mercado Brasileiro? Pois é... E nem vai encontrar, pois por aqui, não é comercializado... Caso tenha interesse, procure mesmo em sites fora do Brasil, pois aqui, não há interesse em comercio para esses equipamentos, devido as taxas de frete e alfandegárias.

Cadastre seu e-mail para receber novidades

Sem instrumentos, não adianta!

Sem instrumentos, não adianta!
clique na imagem

Postagem em destaque

Consertando e ajustando pastilhas de wattímetro Bird

"Para aqueles que acham que este instrumento é incorruptível", é bom saber que os wattímetros Bird usam elementos removíveis, cha...

→ TVi ↓

TVi é um dos problemas mais sérios que o radio-operador pode sofrer. Pensando nisso, aqui vai algumas dicas seguras sobre como evitar este problema.

1º Cabo: Tem gente que acha que é só soldar o fio no conector e está tudo certo. Ledo engano!

Antes de soldar o conector, certifique-se que a malha esteja totalmente prateada, brilhando. Caso não esteja, substitua o cabo, ele está oxidado. "É a ação do tempo".

2º Conector: Verifique a qualidade do conector no ato da compra, e caso seu conector esteja a anos sendo utilizado (ou guardado), passe uma lixa fina por dentro no local onde encaixa a malha. Não deve haver nenhum tipo de sujeira ou sinal de oxidação.

3º Conector fêmea do rádio: Utilize uma chave de estria tamanho 19 e aperte a porca. Mal contato é um problema sério. Verifique a solda interna após o reaperto.

4º Não utilize antena tipo 5/8 caseira entre prédios e condomínios que estejam em locais mais altos que sua estação à distâncias menores de 10 metros. Lembre-se que a antena 5/8 irradia em ângulo reto, e a antena de tv do vizinho pode ser aquele famoso "bombrill".

Escolha sempre antena 5/8 industrial. Se for caseira utilize 1/4 de onda, pois seu lóbulo de irradiação aponta a ionosfera, ao invés do horizonte, como no caso da 5/8.

5º Não abra o ALC do equipamento. O ALC libera espúrios. Ao abrir potência do equipamento mantenha a proteção ALC. Da mesma forma que fazemos em nosso laboratório. Isso é imprescindível. Abrir ou aumentar potência não tem nada a ver com liberar ALC. Isso é para incompetentes e palitadores. Se abrir a potência do equipamento lembre-se de deixar o ALC atuando.

6º Estacionária: Nunca se esqueça que estacionária baixa não tem nada a ver com ressonância. A antena pode estar com roe ótima em determinado local, mas ressonar lá na casa do...

7º Identificar o "plano terra": Plano terra não tem nada a ver com antena plano terra. Você deve saber onde é o plano terra de sua estação, e o mesmo não tem nada a ver com o solo. Descobrindo o plano terra, a partir dele você saberá qual é a altura ideal para sua antena. Respeitando esta regra, além do rendimento otimizado de sua Estação, jamais correrá riscos de TVi. Dúvidas?

Consulte-nos.

→ Power RF Aprenda ↓

Como saber a potência correta sem ser enganado?

Primeiro, pesquise sobre o DATASHEET do transistor do seu rádio, leia a respeito, verifique a potência máxima levando em consideração a voltagem do transistor. A base de cálculo é a fonte de alimentação, então o parâmetro é 13,8 volts.

Se apresenta 8A de consumo em amperímetro digital "com congelamento de pico máximo", basta multiplicar 13,8v por 8A e o resultado dividir por 2.66, eis a potência correta, que são 41,5 watts de envelope - PEP. Em miúdos, no assovio tem que dar 41,5 watts, e na modulação 60% por conta do péssimo modulador original, então restam quase 25 watts de modulação real. Viu porque não adianta palitar? Girar ou abrir posição de trimpot apenas gera mais calor, e calor é igual a perda. Quanto mais se aquece o transistor, mais fecha a entrada de gate quando aquecido, e por isso você precisa alterar alguns componentes na saída, porque eles impedem o rendimento da potência final (isso só serve para rádios PX).

Um rádio na atualidade - 2015 - original apresenta 20w PEP SSB em média, então você tem 13,8v X 4A de consumo, que é = 55.2w Dividido por 2.66 = 20,75w efetivos. Ou seja, fonte de 5A para esse rádio original toca com folga.

Rádios com upgrade apresentam consumo entre 12A e 16A "em média" para mais, então você tem 13,8v X 12A = 165,6W em calor (em perda) divididos por 2,66 = +- 60w que representa o % aproveitável, e em média máxima "para 13,8v". Com voltagens DC to DC na alimentação, essa potência pode ultrapassar os 100 watts aproveitáveis, mas não há área de dissipação, então não recomendo. A bem da verdade, eu literalmente pago para ver alguém conseguir reproduzir o sistema que patenteamos, DC to DC.

Se utilizar bateria de 12v, o consumo em amperagem é maior. Quanto maior a voltagem, menor consumo em amperagem, quanto menor voltagem, maior consumo em amperagem.

By: Lei de Ohm.

Medições fora deste parâmetro são equivocadas.

Fale comigo

→ Dica de Segurança

A vantagem do Rádio na estrada, além da possibilidade de fazer grandes amigos, é saber o que está acontecendo lá na frente. Um possível deslizamento, bloqueio de pista, uma possível blitz falsa, assaltos, áreas perigosas, carros suspeitos e acidentes. Na verdade, o operador da Faixa do Cidadão precisa de muita malícia, porque em todo lugar haverá maldade e oportunismo. Já houve caso de amigo que quase foi morto em emboscada armada através de convites feitos na própria faixa. Pessoas que se passaram por radio-operadsores o chamaram para tomar um café e o mesmo foi, sem maldade nenhuma, mas estavam na verdade de olho em sua carga de remédios, relata João, Estação Cachorro Louco (Juiz de Fora MG). Portanto amigos, é possível sim fazer do rádio um ambiente saudável e seguro, basta denunciar quaisquer irregularidades e ficar atentos a desvios de conduta. Aproveite e faça sua parte, seja cordeal, e não se misture com radio-operadores que desrespeitam a faixa utilizado linguajar de baixo calão. Em caso de problemas, procure um posto da Polícia Rodoviária Estadual/Federal.

Oferecimento:

PXJF YOUTUBEadio.com.br

→ WATTÍMETRO BIRD - SAIBA TUDO